Quem nunca se apaixonou por um vampiro, que atire a primeira estaca.

Jéssica levava uma vida simples até descobrir que seus pacatos pais – um dentista e uma professora – eram na verdade caçadores de vampiros. Pressionada para seguir a tradição da família, parte em uma viagem para provar de uma vez por todas que vampiros não existem e que seus pais precisam de terapia.
Ao frequentar a universidade onde um suposto vampiro atua, faz amigos estranhos, uns tais otakus, e é perseguida por líderes de torcida e outros tipos populares. E antes que perceba, acaba se interessando por um rapaz que só pode ser vampiro – pálido, lindo, só sai à noite e tem cara de que usa muito delineador.
Com o tempo Jéssica perceberá que a verdade vai bem além dos livros e acabará pondo em risco muito mais que o pescoço: o seu próprio coração.



ISBN: 9788582430149
Ano: 2014
Páginas: 169
Editora: Draco
E-book: Cortesia da editora Draco.
Classificação:






Jéssica uma  mulher de 29 anos, secretária, super fã da buffy e de outros seriados vampirescos, nunca imaginou que ela pertencia há uma linhagem de caçadores de vampiros. Sua vida mudou bruscamente da água para o vinho, no momento em que seus pais que ela achava que eram pessoas "normais'' anunciarem que eram caçadores de vampiros. E que eles queriam que ela aceitasse uma missão, no primeiro momento ela não aceita, achando tudo aquilo uma loucura, mas ao saber da grana que iria receber, pensou melhor e aceitou.

Nem aceitou direito e já estava dentro de um avião, com destino: Pensilvânia, onde ela iria se passar por um adolescente filha de um embaixador em uma Universidade. Sua primeira missão era matar um vampiro que se chamava Eric, e só depois disso voltar para casa.

Ao chegar na Universidade e dar de caras com vários jovens, Jéssica começa a sentir remoço por aceitar aquela loucura, já que para ela aquela conversa fiada de vampiros era apenas uma brincadeira de seus pais.

Inicialmente ela se sente perdida, porém rapidamente faz amizade com as garotas Otakus, Dine, Sofia e Estela. E é através delas que Jéssica fica sabendo que havia um garoto que se encaixava nas descrições do tal primo que ela procurava, ele se chamava Zack e não Eric. Um rapaz que só assistia as aulas noturnas e ainda tinha um fã clube de garotas perdidamente apaixonadas por ele.

Foi duro para que ela conseguisse se encontrar com ele, porém as Otakus dão um pequeno empurrão. Então, na noite em que Jéssica vai até a biblioteca só para vê-lo ( estudar o inimigo) se depara com o cara mais lindo que ela já viu na vida. A caçadora praticamente se torna a presa de sua caça.

Jéssica, a caçadora de vampiro desajeitada, junto com as garotas Otakus embarcam em um aventura que faz qualquer anime ficar no chinelo.

Mortes, desaparecimentos, roubo no hospital e um suspeito. Zack! Será que Jéssica conseguirá matar o vampiro que roubou seu coração?



Ai meu Deus... gente que livro é esse? consumi ele em dois dias, a capa não é assim tão do meu agrado, mas o enredo é de encher os olhos. A história me conquistou e prendeu a minha atenção até o fim. A trama é muito envolvente, exagerada e engraçada. Na verdade, eu já estava esperando uma história leve e cheia de humor, já que conheço um pouco o ramo da editora Draco.

Narrado em primeira pessoa (Jéssica) com linguagem simples e voltado para o público teen. Jéssica é uma caçadora de vampiro mais estabanada que já vi. Ao meu ver ela é a alma humorística do enrendo.

O enredo é simples, no entanto cheio de reviravoltas. Os personagens são bem desenvolvidos, claro que achei o enrendo um pouco infantilizado, mas o que poderia esperar? Se o público alvo são os jovens? A autora fez uma mistura de tudo aquilo que seu público gosta vampiros, otakus, animes, mistérios e muito humor.

Zack o vampiro, me conquistou rapidamente, toda a sua aura de mistério é um prato cheio, e ele equilibrou o enredo trazendo um pouco do seu humor negro e claro um pouco da sensualidade vampiresca para a história. As garotas Otakus são um charme, além é claro de tornar o livro cheio de graça.

Poucos livros juvenis são capazes de me conquistar, e esse me conquistou, não pelo o enredo mais pelas menções que a autora faz de filmes e vampiros dos quais sou muito fã e é bem visível que ela se inspirou neles. Isso já torna esse livro bem especial para mim, pois a cada página que eu lia, me dava uma sensação de nostalgia dos belos tempos que eu tinha tempo para assistir Buffy, Entrevista com o Vampiro entre outros.

 

Além de me divertir, li o e-book com bastante atenção, já que é mais fácil de ter erros de digitação, porém não vi nenhum. Acho que foi o primeiro e-book por qual me apaixonei. A diagramação é simples, porém a cada capitulo tem um desenho de um personagem. Amei demais esse detalhe, sempre procuro lembrar que os detalhes de um livro faz toda a diferença seja ele livro físico ou e-book.

Você deve estar se perguntando se por acaso estou disposta a ler a trilogia ( já que eu não sou muito fã de continuações de livros) SIM! Mil vezes sim. Quero muito saber o que acontecerá com Jéssica e com Zack, espero muito vê as garotas Otakus, já que amei elas. Bom, mas isso só vou ter certeza quando ler, não é?

A Caçadora – Sorriso de vampiro é o primeiro romance da trilogia A Caçadora, de Vivianne Fair, autora que conquistou fãs pelas suas divertidas comédias românticas cheias de referências à cultura pop.

Bom, como me tornei fã desse casal nada convencional, procurei saber um pouco mais da autora, e não é que dei de cara com o blog dela! Gente o blog dela é bem legal, tem tirinhas com os personagens Jéssica e Zack. Achei um luxo e já estou seguindo.

Fonte da imagem: http://www.recantodachefa.com.br/2015/12/tirinha-51-cacadora.html




3 Comentários

  1. Preciso começar dizendo que eu era mega fã de Buffy, não perdia um episódio, e amo Entrevista com o Vampiro...já da pra saber que adorei tua resenha, né!?
    As tirinhas são muito fofura também!
    Minha primeira visita aqui no teu blog, já estou seguindo!
    Beijinhos,
    Alice
    www.wonderbooksdaalice.com

    ResponderExcluir
  2. Olá! Primeira visita aqui!
    Não conhecia absolutamente nada disso. A ideia me pareceu meio bobinha no início, mas sua opinião ajudar a pesar isso. Não faz muito meu estilo, mas parece ser bem divertido. Adorei!
    beijos

    http://eu-ludmilla.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Peguei uma birra de histórias de vampiro que eu evito ler para não passar raiva. O livro parece ser bem legal, mas eu não curto e-book
    ;*

    ResponderExcluir