Conto - As Valentinas - Luiza Trigo

Bia  implica com a data, diz que é apenas um dia comercial, sem nenhuma razão histórica para existir, uma desculpa para se comprar presentes. Porém, Bia, no fundo, não gosta desse dia apenas porque nunca teve alguém com quem comemorar a data. Ela e suas amigas são as nerds da escola e acham que nunca irão namorar. As Valentinas é a história do Dia dos Namorados da Bia, com as agruras e belezas de não ter namorado, mas ter pais legais e amigas muito companheiras. 








Autor: Luiza Trigo 
Categoria: Humor
Formato: Mobi
Lançamento: 2014 
Classificação: 





Quanto mais eu leio obras de autores brasileiros, mais sinto orgulho de ser brasileira. Não sou de ler contos, no entanto, estou sendo conquistada cada vez mais por esse gênero.

O conto da vez é da autora Luiza Trigo, eu serei breve... pois, como todo conto ele é curtinho. Bia é uma menina nerd, assim como todas as suas amigas, no entanto não é diferente de outras meninas de sua idade. É alegre, gosta de estar rodeada por suas amigas, ama sua família, porém algo lhe incomoda; é o dia de São Valentim, para ser exata ela odeia. 

Bia tenta argumentar que essa data não é importante, ela alega que a data deixou de ser romântica para ser uma data comercial, ou seja, o '' amor'' ficou em segundo plano. Vamos dizer que todos esses ''argumentos'' é para disfarçar uma magoa reprimida, vou ser mais direta, Bia odeia esse dia, por que não estar namorando com Thiago, o garoto por qual ela é totalmente apaixonada, e um dos seus sonhos é dançar com ele na sua festa de 15 anos, que a cada dia se aproximava mais. 

Acho que todas nós já passamos por isso, é um porre festejar o dia dos namorados sozinha...
Mais Bia não estar sozinha, mesmo não estando com o Thiago AINDA, ela tem muitas amigas. Mesmo não estando namorando, vão festejar! claro a maneira delas: Uma noite só de meninas, com muitas guloseimas e diversão.


Amei de verdade o conto, ele é perfeito para ler em um dia de chuva. A autora escreve de uma maneira leve e divertida.  A personagem Bia é tão tipicamente adolescente, que em alguns momentos tinha vida própria.  Adorei as suas passagens de mau humor, suas alegações sobre o dia de São Valentim.

Realmente estou muito encantada com a escrita da autora é tão jovial que me faz lembrar a minha própria adolescência, com as minhas paixonites e crises de humor rsrsrrs

Não dei cinco estrela, por um motivo: O conto fala sobre o dia de São Valentim, porém, existe um suspense sobre a festa de aniversário da Bia e quando terminei de ler o conto, ficou uma interrogação no ar! cadê a festa? as surpresas?. ''Talvez'' a autora fez de proposito, para deixar o leitor aflito, pode ser que tenha continuação não é? Sim! tem continuação..






Meus 15 anos - Uma festa de cinema! Este era o sonho de Bia, prestes a se tornar realidade em Meus 15 anos. Ela só não esperava que sua grande noite daria um filme – com direito a drama, romance, comédia e ação de tirar o fôlego. Bia é a protagonista do segundo romance da escritora carioca Luiza Trigo, que vem conquistando seu espaço entre o público adolescente e pré-adolescente desde sua estreia com Carnaval. Da entrega dos convites ao surpreendente desfecho, a autora conta uma história movida a sonhos, paixões, ciúmes, alegrias, decepções e, principalmente, amadurecimento, amizade e amor.





Outras obras...


Carnaval - Gabi decide passar o carnaval com as primas no Recife: praias, música, amigos, sol, diversão... A receita ideal para Gabriela curar a dor de cotovelo depois de ver o ex-namorado beijando uma garota. Para falar a verdade, ela nem gostava mais dele, e era capaz de enumerar seus defeitos sem pestanejar; mas vê-lo assim aos beijos mexeu com o coração da menina. Decidida a esquecer o ex de uma vez, Gabi faz as malas e deixa o Rio para uma semana de muita curtição no Nordeste. Ela só não contava com a possibilidade de se apaixonar de verdade em pleno Carnaval!













6 comentários:

  1. Oie! Ain que lindas capas! Quero ler algum dia os livros dela!
    Bjs, comenta por favor nessa resenha ajudaria muito:
    http://resenhasteen.blogspot.com.br/2015/03/simples-perfeicao.html

    ResponderExcluir
  2. Adoro contos, então já me apaixonei por esse. Além da capa ser fofa, todos os livros são, a trama me conquistou também!
    beijos
    www.apenasumvicio.com

    ResponderExcluir
  3. Concordo quando diz que o livro é para ser lido em um dia chuva, pois é o que me veio a mente quando li a resenha. Gostei bastante da escrita e, sem comentar, a capa é bem bonitinha.

    http://mundo-restrito.blogspot.com.br
    Twitter: @rs_juliete

    ResponderExcluir
  4. Oie!
    Não conhecia o livro. Apesar de meu gênero favorito ser o terror e a magia, achei bem interessante a sinopse *.*

    http://meubaudeestrelas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Oi Wan!
    Confesso que acho a capa desse livro muito fofa. Um amigo meu comprou na Bienal, Meus 15 Anos, e ainda conseguiu autografo da autora. Desde então, a fofura da capa me encanta. O que me deixa com o pé atrás são dois motivos em especial. Primeiro: parece ser bem feminino, então não sei se ia me agradar. Segundo: Rocco. Atualmente não to com saco algum pra os livros dessa editora. Eles até que podem lançar otimas obras, mas tratam os leitores muito mal e com uma antipatia ironica, levando-se em consideração que dependem da gente pra continuar no mercado.

    Seguindo o blog linda :)
    Abraços
    David Andrade
    http://www.olimpicoliterario.com/

    ResponderExcluir
  6. A Luly Trigo é uma fofa, um conto dela só podia ser fofo tbm kkkkk'
    Eu já tinha visto a capa do conto, mas nunca li. Parece muito divertido. Gostei da resenha ^^

    Abraço!
    Brenda S. | Sonhos em Tinta

    ResponderExcluir